terça-feira, 18 de agosto de 2009


INCOMPARÁVEIS


Rosas de muitas cores.

Picolé de groselha, daquele que vai ficando esbranquiçado no final.

Comida quente e molhada na noite fria.

Manta macia nas pernas pra ver filme em casa.

Beijo na boca e conseqüências.

Meninos fazendo bagunça na cama da gente pela manhã.

Sair da cidade.

Não sair de casa.

Não ter que.


Sonhar e viver um sonho bom.

8 comentários:

déiaquintino disse...

Ah querida já sou fã da sua sensibilidde em linhas.lindamente estes versos me acolhem.

Cláudia Paulino disse...

Maria Helena, tudo isso é uma delícia mesmo !!! Adorei o poema e também a ilustração com cores tão liiindas, tão profundas, sua cara, minha flor !!! Muitas rosas, muitos picolés de groselha, comidas sempre quentinhas em noites frias, uma manta macia, muitos beijos e suas consequências, seus meninos na cama de manhã, muitos sonhos bons e uma vida SEMPRE LINDA pra vc !!!
Beijos querida amiga !!!

Anônimo disse...

Ei Lelena!

Picolé de groselha é uma lembrança que estava perdida em minha memória e, ao ler, ficou vivo com sabor e respingos.
A ilustração é simplesmente Maravilhosa!!
Beijo,
Pricila.

blanca disse...

Que bom te ler feliz! bjs Blanca

Eliana Mara Chiossi disse...

Gostei muito. Já tá na minha "blogroll".
Beijocas

Gabriela Chiaretti disse...

Pequenos detalhes que fazem nosso dia mais colorido e nossa vida mais alegre. LINDO Lelena!

Lelena Lucas disse...

Déia,
Seja sempre bem vinda! Obrigada pelas palavras cheias de carinho.

Cau,
A gente vai indo pela vida, colecionando também delícias.

Pricila,
Bom ter mexido nas suas boas memórias. Beijo

Blanca,
Felicidade é assim, feita de pequenas coisas. Se a gente não percebe, deixa passar.

Eliana,
Que bom! Então trocamos figurinhas, tá?

Gabi,
Aproveita, querida, tem muitas delícias pela frente!

Anônimo disse...

sempre gostando dessa escritura.beijo, Lelena.
Walmir